Policiais afegãos são mortos em ataques atribuídos ao Taleban

Guerrilheiros supostamente ligados à milícia fundamentalista islâmica Taleban mataram, neste domingo, cinco policiais e feriram outros três no sul do Afeganistão, informou um médico de um hospital local. Os policiais foram atacados por quatro homens armados a bordo de motocicletas em Charbagh, um bairro residencial de Kandahar, um antigo reduto do Taleban, disse a fonte do hospital para onde as vítimas foram levadas, que preferiu não se identificar. Num telefonema à Associated Press, Qari Mohammed Youssef, apresentado como porta-voz do grupo, reivindicou a autoria do atentado em nome do grupo. Segundo o administrador regional província de Helmand, no sul do país, Ghulam Muhiddin, um suposto membro do grupo fundamentalista, disfarçado de viajante, matou quatro policiais na última sexta-feira. Segundo Muhiddin, o agressor foi morto por um quinto policial que escapou do ataque.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.