Policial afegã mata consultor norte-americano

Uma policial afegã matou um consultor norte-americano em Cabul com um tiro nesta segunda-feira, em mais um ataque interno de afegãos contra seus aliados externos, informaram autoridades do Afeganistão.

AE, Agência Estado

24 de dezembro de 2012 | 13h32

A mulher, identificada como Sargento Nargas, atirou no consultor com uma pistola no momento em que ele saía de uma loja com compras, afirmou o prefeito de Cabul, Abdul Jabar Taqwa, à Associated Press.

Um porta-voz da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) informou que Nargas foi presa logo após o ataque. A identidade do consultor não foi divulgada.

O ataque ocorreu horas após um policial afegão atirar em cinco de seus colegas no norte do país. Em seguida, o homem roubou as armas de seus colegas e fugiu para se juntar ao Taleban.

Mais de 60 aliados internacionais, incluindo soldados e consultores civis, foram mortos por soldados afegãos ou pela polícia do país este ano, e uma série de outros ataques internos ainda estão sob investigação. As forças da Otan, que devem se retirar do país até 2014, aumentaram os esforços para treinar e aconselhar os militares do Afeganistão antes da retirada de suas tropas. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Afeganistãoconsultorassassinato

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.