Policial chinês é morto em região tibetana, diz agência

Uma multidão armada de pedras e facasmatou um policial chinês em uma parte tibetana do oeste daChina, afirmou a agência de notícias Xinhua, em um sinal de queos tumultos ainda estão acesos apesar da grande presença detropas de segurança. Wang Guochuan morreu durante um ataque nesta segunda-feiracontra um grupo de policiais na província de Sichuan, segundo aagência, acrescentando que vários outros foram feridos noconfronto que terminou depois de a polícia disparar tiros deaviso. A agência não disse se os agressores eram tibetanos.Protestos contra o governo, que em alguns casos se tornamviolentos, surgiram em partes de etnia tibetana do oeste daChina na semana passada, após os tumultos de 14 de março nacapital do Tibet, Lhasa. A Xinhua informou que as áreas estavam calmas desde o fimda semana passada e que a China despejou tropas policiais nasregiões para evitar mais violência, a qual, segundo o governo,é coordenada pelo líder religioso e político Dalai Lama desde oexterior. (Reportagem de Emma Graham-Harrison)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.