Policial da ONU é morto em Kosovo

Um atirador matou um policial da ONU em Kosovo na noite de domingo. É a primeira vítima da força internacional a morrer em Kosovo desde que a ONU começou a controlar a região, há quatro anos. O porta-voz das Nações Unidas disse que a missão em Kosovo iniciou uma investigação sobre o crime. O indiano Satish Menon, de 43 anos, foi morto pouco antes da meia-noite de domingo quando viajava em um carro da ONU perto do vilarejo de Slatina, a 45 quilômetros da capital Pristina. Um oficial britânico que dirigia o carro escapou ileso. Nenhum motivo oficial foi dado para explicar o crime.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.