Político de esquerda egípcio entrega proposta para concorrer à presidência

O político de esquerda Hamdeen Sabahi apresentou oficialmente a sua candidatura para concorrer à presidência do Egito, no sábado, tornando-o o segundo candidato para a eleição do mês que vem, ao lado do antigo chefe do exército Abdel Fattah al-Sisi, que é o grande favorito para vencer.

Reuters

19 de abril de 2014 | 11h51

A eleição está prevista para os dias 26 e 27 de maio.

Sabahi, que lidera uma aliança política chamada Corrente Popular, foi membro do parlamento durante o governo do autocrata deposto Hosni Mubarak e ficou em terceiro lugar na eleição de 2012, que foi vencida por Mohamed Mursi, da Irmandade Muçulmana.

Espera-se que Sisi, que liderou a derrubada de Mursi pelo exército em julho, após protestos em massa contra seu governo, ganhe a eleição, já que ele é visto por muitos no país como um salvador do povo, que poderá trazer estabilidade para o Egito.

Tudo o que sabemos sobre:
EGITOESQUERDAPRESIDENCIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.