Polônia confirma primeiro caso de infecção por E.coli

A Polônia confirmou hoje seu primeiro caso de infecção pela bactéria Escherichia coli (E.coli), após uma mulher de 29 anos de idade vinda da Alemanha ter adoecido, disseram autoridades. Ela não corre perigo imediato de morte, de acordo com as fontes.

GABRIELA MELLO, Agência Estado

06 de junho de 2011 | 13h53

"Nós confirmamos um caso e suspeitamos de outros dois, ambos envolvendo pessoas que recentemente passaram um tempo na Alemanha. Os resultados dos testes nestes dois casos serão conhecidos nos próximos dias", afirmou Jan Bodnar, porta-voz do órgão de inspeção sanitária da Polônia. A mulher, que reside na região de Hamburgo, foi hospitalizada no dia 23 de maio em Szczecinek, noroeste da Polônia, onde está sendo submetida à hemodiálise, afirmou Bodnar.

Autoridades alemãs apontaram ontem brotos de feijão orgânicos de uma fazenda na Baixa Saxônia como a provável causa da onda de infecções pela E.coli, mas testes preliminares não detectaram nenhum vestígio da bactéria que matou ao menos 23 pessoas na Europa, sendo 22 apenas na Alemanha. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
bactériaEcoliEuropaPolônia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.