Polônia pode decidir saída do Iraque, diz primeiro-ministro

O primeiro-ministro polonês, Leszek Miller, admitiu que a decisão da Espanha de retirar seus soldados do Iraque deve levar a Polônia a avaliar sua atuação no país árabe. ?Não tomaremos nenhuma medida irresponsável. A decisão final sobre uma retirada terá de ser fruto de discussões e de um consenso?. Miller lembrou que deixará o cargo em 2 de maio e que o assunto será resolvido por seu sucessor. ?Não posso dizer quando sairemos do Iraque, mas o próximo primeiro-ministro será mais preciso?, afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.