População faminta assalta caminhões com comida e água

Centenas de pessoas, famintas e com sede, praticamente assaltaram um caminhão com alimentos em uma zona próxima a Safwan, a um quilômetro da fronteira com o Kuwait.Hoje, assim como na quarta-feira, houve graves problemas de organização para distribuição de alimentos. A multidão atacou os quatro caminhões que fazem parte do segundo comboio de ajuda humanitária que chega ao Iraque desde o início da guerra.As caixas com água, alimentos, sucos, frutas e leite acabaram rapidamente. Soldados do Exército britânico acompanhavam o comboio mas não intervieram.Nesta sexta-feira fontes da Marinha britânica disseram que o primeiro navio com suprimentos para a ajuda humanitária no Sul do Iraque está ?a ponto de chegar?.O navio Galahad, que pertence a Royal Navy, transporta cerca de 500 toneladas em alimentos, mantas, roupas e água potável, estava previsto para atracar em Umm Qasr nesta quarta-feira, mas teve alguns atrasos nas condições climáticas e ao descobrimento de várias minas marítimas no porto iraquiano.A chegada do Galahad deverá ser acompanhada por uma série de medidas de segurança. Os tanques do navio serão esvaziados como medidas de precaução no caso de um ataque das tropas fiéis a Saddam Hussein. Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.