Popularidade de Morales cai para 53%

A popularidade do presidente da Bolívia,Evo Morales, caiu de 81 para 53% entre os meses de maio e setembro nas cinco principais cidades do país.A pesquisa, cujos resultados foram entregues neste sábado à agência de notícias Efe, mostraque a aprovação ao presidente boliviano em setembro ficou em 53%, 28 pontospercentuais a menos do que em maio.A nacionalização dos hidrocarbonetos, medida mais emblemática de seu governo, enfrenta várias dificuldades para ser aplicada e a Assembléia Constituinte, inaugurada em 6 de agosto, ainda não chegou a acordos. Realizada nas cidades de La Paz, El Alto, Cochabamba, Santa Cruz e Tarija, a pesquisa mostrou que a desaprovação da gestão de Morales nessas cinco capitais aumentou de 15% para 41%.Nesse mesmo período, na cidade de Santa Cruz, a mais próspera do país e sede dos grupos opositores a Morales, a desaprovação subiu de 28 para 65%, enquanto na cidade de Tarija passou de 26% para 61%. Em La Paz, o apoio ao presidente é de 64%, mas mostra uma grande baixa frente aos 91% de cinco meses atrás. Na cidade de Cochabamba, a aprovação é de 58%, 27 pontos abaixodos índices de maio. A pesquisa foi realizada entre os dias 10 e 16 de setembro. Foram entrevistadas mais de mil pessoas. A margem de erro é de 3,09%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.