Porta-voz de Shafiq diz que general venceu as eleições

O porta-voz da campanha de Ahmed Shafiq afirmou nesta terça-feira que o candidato foi o vencedor da eleição presidencial do Egito, contrariando a Irmandade Muçulmana que declarou seu candidato, Mohammed Mursi, o vencedor do pleito. Shafiq foi o último primeiro-ministro do ex-presidente Hosni Mubarak, derrubado pela revolta popular em fevereiro de 2011.

AE, Agência Estado

19 de junho de 2012 | 14h35

O porta-voz Ahmed Sarhan disse em uma conferência para jornalistas que Shafiq venceu com 51,5% dos votos. Ele afirma que a alegação de vitória da Irmandade Muçulmana é "falsa".

"O general Ahmed Shafiq é o próximo presidente do Egito", afirmou Sarhan, dizendo também que o candidato conseguiu 500 mil votos a mais que seu adversário na eleição.

O resultado oficial da votação, que ocorreu no último fim de semana, será anunciado na quinta-feira.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.