Portugueses elegem novo presidente; Cavaco Silva é favorito

Os colégios eleitorais abriram neste domingo suas portas às 6 horas (horário de Brasília) para que os mais de 8,9 milhões de portugueses elejam o próximo presidente da República. As pesquisas apontam o ex-primeiro-ministro centrista Aníbal Cavaco Silva como favorito.O Instituto de Meteorologia português prevê céu limpo em boa parte do país e temperaturas agradáveis para esta época do ano, como os 17 graus de máxima esperados em Lisboa, o que poderia favorecer uma alta participação nesta jornada eleitoral.Cavaco Silva lidera as intenções de voto, com cerca de 52%. Só dois de seus adversários, o octogenário ex-presidente Mário Soares e o poeta socialista Manuel Alegre, de 69 anos, têm alguma esperança de chegar a um segundo turno, se conseguirem os votos de um milhão de eleitores indecisos.Outros três candidatos, o comunista Jerónimo de Sousa (58 anos), o radical Francisco Louçã (49 anos) e o advogado António Garcia Pereira (54 anos) devem obter cerca de 15% dos votos.Segundo a Lei Eleitoral, será eleito o candidato que obtiver mais de 50% dos votos. Caso contrário, será realizado um segundo turno entre os dois candidatos mais votados. Neste caso, o segundo turno será no próximo dia 12 de fevereiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.