Potências pedem diálogo sério ao Irã na questão nuclear

As potências mundiais pediram ao Irã nesta quinta-feira um "diálogo sério", sem precondições e produtivos, com "resultados concretos", sobre a questão nuclear. "Pedimos ao Irã para entrar, sem precondições, em um processo sustentável de diálogo sério, que vai produzir resultados concretos", afirmou um comunicado em nome da Alemanha e dos membros permanentes do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU), EUA, China, Rússia, França e Reino Unido.

AE, Agência Estado

08 de março de 2012 | 11h25

As nações acrescentaram que a disponibilidade delas para negociar estava "no entendimento de que as conversas vão encerrar as preocupações de longa data da comunidade internacional (sobre a questão nuclear) e que haverá sérias discussões sobre medidas de confiança concretas". O comunicado foi lido pelo enviado da China à Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) em uma reunião regular a portas fechadas, em Viena.

A chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton, disse na terça-feira, em nome das seis potências, que elas estavam prontas para retomar as conversas com o Irã. Ainda é preciso acordar onde e quando as negociações serão mantidas. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.