Powell escapa de tiroteio no Haiti

A rede de televisão CNN informou que houve um tiroteio do lado de fora do palácio presidencial do Haiti, em Porto Príncipe, entre pistoleiros desconhecidos e os seguranças da sede do governo. O tiroteio aconteceu minutos depois de o secretário de Estado norte-americano, Colin Powell, ter entrado no palácio para reunir-se com o presidente Boniface Alexandre e o primeiro-ministro Gerald Latortue.Segundo um oficial da segurança do palácio, os tiros foram disparados de um carro que passava e não ficou claro se eles eram dirigidos ao prédio. Ninguém foi atingido e o Departamento de Estado informou que as reuniões entre Powell e os líderes do governo haitiano foram transferidas para outro local, não revelado.A segurança do palácio é mantida por tropas da ONU lideradas pelo Brasil. Logo depois do tiroteio, tanques das forças de paz da ONU chegaram para patrulhar as ruas diante do prédio. Além do presidente e do primeiro-ministro, a visita de Powell ao Haiti prevê encontros com líderes de grupos políticos que se opunham ao governo do presidente Jean-Bertrand Aristide, derrubado em fevereiro em um golpe de Estado apoiado pelos EUA.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.