Pré-candidato à sucessão de Bush elogia Lula

O ex-governador de Vermont e pré-candidato favorito à indicação do Partido Democrata para as eleições presidenciais de novembro, Howard Dean, defendeu a adoção de uma política de "relação especial" com a América Latina, destacando especificamente a atuação do presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, por sua adesão a "saudáveis princípios econômicos" - apesar das desconfianças iniciais expressadas por Dean, após a eleição de Lula."Sua mudança tem sido fantástica. Os EUA têm sido inamistosos e nós deveríamos trabalhar com ele", disse Dean. O pré-candidato democrata também saudou a atuação de Lula, que, segundo ele, "tem feito mais do que falar para reduzir o abismo entre ricos e pobres" no País.Ele acrescentou que a política de Washington para a América Latina deveria se basear "mais na parceria igualitária e menos na humilhação". "Em vez de oferecer nosso apoio, nós tentamos tornar suas vidas piores quando não concordam com nossas políticas."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.