Preço de documento para Putin vira polêmica

Autoridades eleitorais russas tentam dissipar uma polêmica que se instalou no país a respeito do preço que custará o novo documento de identidade presidencial para Vladimir Putin. Protestos espalharam-se pela internet com a informação de que o novo documento custará mais de US$ 3 mil. O governo diz que o preço será "bem menor" do que esse.

O Estado de S.Paulo

22 Março 2012 | 03h05

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.