Preços de moradias usadas na China sobem novamente

Os preços de moradias usadas nas seis maiores cidades da China subiram em outubro pelo sétimo mês consecutivo, de acordo com um relatório da empresa de pesquisas Centaline Group, informou a agência estatal de notícias Xinhua. Houve aumento nos preços das revendas em Pequim, Xangai, Guangzhou, Shenzhen, Tianjin e Chengdu.

DANIELLE CHAVES, Agência Estado

11 de novembro de 2012 | 11h57

Das seis cidades, Xangai e Guangzhou registraram as maiores altas, de mais de 1% em comparação com setembro, puxadas pelo menor crescimento da oferta. Nas outras quatro cidades o aumento foi mais moderado. Analistas atribuíram a alta moderada dos preços à hesitação dos potenciais compradores, que se tornaram mais cautelosos depois de os preços subirem 10% desde o começo do ano. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaimóveismoradias

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.