Preços são exibidos em duas moedas

Desde segunda-feira, o governo venezuelano tornou obrigatório a exibição de todos os preços e tarifas na moeda atual, o Bolívar (Bs), e na que será implementada em 2008, o Bolívar Forte (BsF). Para chegar ao preço na moeda nova, os venezuelanos têm de cortar três zeros do Bolívar. A medida do governo do presidente Hugo Chávez tem como objetivo ajudar vendedores e consumidores se adaptarem à nova moeda. O Banco Central da Venezuela também iniciou uma campanha de divulgação para informar a população.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.