Prédio desmorona no Cairo e mata pelo menos 13

Pelo menos 13 pessoas morreram nesta terça-feira quando um prédio de sete andares ruiu no subúrbio de Matariya, oeste do Cairo, informou a polícia.

Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2014 | 10h21

Autoridades disseram que oito moradores do prédio ficaram feridos quando o prédio caiu, na manhã de hoje. Equipes de resgate procuravam possíveis sobreviventes em meio aos escombros. Vários prédios próximos foram esvaziados.

As autoridades, que falaram em condição de anonimato, porque não estão autorizados a falar com a imprensa, disseram que o desmoronamento foi provocado pelo acréscimo de andares sem autorização. Vizinhos disseram que quatro andares foram construídos ilegalmente, sobre a estrutura de um edifício antigo.

O desmoronamento de prédios é comum no Egito, onde construções de má qualidade são fáceis de encontrar nas favelas, bairros pobres e áreas rurais. Com a falta de moradias e a negligente fiscalização do governo, empreiteiras que buscam lucros maiores costumam construir sem autorização. Fonte: Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.