Richard Drew/AP
Richard Drew/AP

Prefeito de Nova York espera 45 minutos na fila para votar

Michael Bloomberg confirmou voto para o presidente Obama, que apoiou em editorial após furacão

AE,

06 de novembro de 2012 | 15h53

NOVA YORK - O prefeito da cidade de Nova York, Michael Bloomberg, esperou por cerca de 45 minutos na fila para votar na manhã desta terça-feira, 6. Milhares de eleitores nas regiões atingidas pelo furacão Sandy em Nova York e New Jersey enfrentaram confusão e longas filas ao tentar votar.

 

Segundo o Wall Street Journal, Bloomberg votou em sua seção eleitoral em Upper East Side, em Manhattan. Ele confirmou que votou no presidente Barack Obama. O prefeito, que flertou com a possibilidade de concorrer a presidente em 2008, disse que estava "surpreso" com a multidão em sua seção eleitoral, mas descreveu o processo como agradável.

 

"Bem, é uma boa experiência quando todos dizem 'Bom trabalho!'", explicou ele, sem falsa modéstia. "Eu cheguei a pensar - talvez vou voltar para a fila e votar de novo", brincou, segundo o jornal.

 

O prefeito, de 70 anos, endossou na última quinta-feira a candidatura à reeleição de Obama. Em editorial publicado na agência de notícias bloomberg.com, o prefeito destacou o papel de liderança de Obama na questão da mudança climática e do aquecimento global.

 

Eleitores entrentaram filas e confusão para votar em Nova York (foto) e New Jersey

 

Segundo o prefeito, Obama "tomou medidas importantes para reduzir nosso consumo de carbono, inclusive ao estabelecer exigências mais altas de eficiência de combustíveis para carros e caminhões".

 

Texto atualizado às 17h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.