Prefeito hispânico vai abrir convenção democrata

O Partido Democrata escolheu o prefeito da cidade texana de San Antonio, Julián Castro, para fazer o principal discurso da convenção nacional da legenda, marcada para setembro em Charlotte (Carolina do Norte). A intenção é mobilizar os votos da crescente população hispânica do país.

AE, Agência Estado

31 de julho de 2012 | 15h45

O prefeito de 37 anos - cuja carreira está em ascensão e é visto por alguns como um potencial futuro candidato à presidência - será o primeiro hispânico a fazer o principal discurso quando subir ao palco na primeira noite dos três dias de convenção. O ex-presidente Bill Clinton comandará a segunda noite, competindo com o primeiro jogo da temporada da NFL, a liga de futebol americano.

A campanha de Barack Obama está apostando forte nos eleitores hispânicos a fim de que o presidente tenha a liderança em Estados chave, principalmente na Flórida, na Carolina do Norte, na Virgínia, no Colorado e em Nevada.

Em 2008, Obama recebeu 67% dos votos latinos e há sinais de que o presidente pode ter um desempenho ainda melhor este ano. As pesquisas mostram que o apoio ao virtual candidato do Partido Republicano, Mitt Romney, é de menos de 25%, comparado com os 31% que o senador republicano John McCain obteve quatro anos atrás. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.