Premiê da Irlanda assume derrota de partido na eleição

O premiê da Irlanda, Brian Cowen, assumiu a derrota nas eleições gerais hoje, depois que seu partido, o Fianna Fail, foi esmagado pela raiva dos eleitores em relação a situação econômica do país e sobre o pacote de ajuda da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional (FMI).

AE, Agência Estado

26 de fevereiro de 2011 | 18h21

"Não havia apoio para nosso partido. Nós aceitamos o resultado como democratas", disse Cowen à rede de televisão RTE, depois que as pesquisas de boca de urna mostraram que o Fianna Fail deve perder dois terços de seus assentos no parlamento.

O próprio Cowen já deixou a liderança do Fianna Fail, tradicional partido dominante irlandês, depois de meses de pressão sobre sua forma de lidar com assuntos econômicos. Ele foi substituído pelo ex-ministro das Relações Exteriores, Micheal Martin. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Irlandaeleiçõespartido

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.