Premiê estuda construir mais reatores nucleares

O premiê do Japão, Shinzo Abe, disse ontem que o país pode construir novos reatores nucleares. A declaração ocorreu um dia depois de Abe ter visitado a usina de Fukushima. O premiê afirmou, porém, que as novas unidades serão construídas apenas "com o consentimento do povo japonês", o que dá pistas sobre o modelo energético do governo do Partido Liberal Democrata, que assumiu na semana passada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.