Premiê grego anuncia avanços em negociações para governo de coalizão

Papandreou reafirma objetivo de cumprir compromissos estipulados com parceiros europeus para manter Grécia na zona do euro

Efe,

05 de novembro de 2011 | 11h55

 Atenas - O primeiro-ministro da Grécia, Giorgos Papandreou, declarou neste sábado, 5, depois de se reunir com o presidente do país, Karolos Papoulias, que avança nas negociações para formar um governo de coalizão, informou a emissora de televisão estatal "NET".

"No próximo período, vou realizar reuniões com esse objetivo", disse Papandreou à imprensa após um encontro de 45 minutos com o chefe de Estado no Palácio Presidencial.

"Ontem o governo obteve o voto de confiança e hoje vim informar ao presidente sobre minhas intenções de formar um Governo de ampla coesão para que se implementem as leis e outras obrigações para cumprir o acordo europeu do dia 26 de outubro", destacou o primeiro-ministro.

Papandreou ressaltou que o cumprimento da Grécia com os compromissos estipulados com os parceiros europeus representa uma condição para que a Grécia se mantenha na zona do euro.

Em seguida, o chefe de Governo se reuniu com seu ministro das Finanças, Evangelos Venizelos, no Parlamento, com quem prepara os próximos contatos para explorar possibilidades de cooperação com outros partidos, anunciaram fontes governamentais.

Papandreou obteve nesta sexta-feira à noite um voto de confiança no Parlamento, com 153 votos a favor de um total de 298 de deputados presentes no Legislativo, formado por 300 cadeiras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.