Divulgação/GPO Israel/Efe
Divulgação/GPO Israel/Efe

Premiê israelense confirma que fará discurso na ONU na próxima semana

Data ainda não está fechada, mas pode coincidir com fala do presidente palestino

estadão.com.br,

15 Setembro 2011 | 08h51

Atualizado às 9h20

 

 

JERUSALÉM - O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, vai apresentar na ONU a posição do país com relação ao reconhecimento do Estado palestino, proposta que será levada à Assembleia Geral pelo presidente palestino, Mahmud Abbas, no dia 23. O anúncio de que Netanyahu fará um discurso foi feito nesta quinta-feira, 15.

 

Veja também:

linkAbbas promete 'não recuar' em questão palestina na ONU

link'Palestinos e israelenses devem ficar separados'

linkIsrael lança vídeo em resposta à campanha da AP

linkEsperança na votação na ONU

especialESPECIAL: As disputas territoriais no Oriente Médio

 

"Decidi apresentar esta mensagem em um discurso que farei diante da Assembleia Geral da ONU", disse nesta quinta o premiê de Israel, segundo a AFP. Ainda de acordo com a agência, Netanyahu disse acreditar ser "justo" falar na ONU e "apresentar os fatos tal como são".

 

Netanyahu disse ainda, durante coletiva em Jerusalém, que Israel deseja a paz e tem tentado negociar há dois anos e meio. "Sabemos que a paz depende de um reconhecimento (mútuo) e da segurança", acrescentou o premiê direitista, dizendo que essa é a mensagem que pretende levar à ONU.

 

A data da fala de Netanyahu ainda não está definida, mas poderá coincidir com o discurso de Abbas, previsto para ocorrer no dia 23, sexta-feira.

 

Aguarde mais informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.