Divulgação/GPO Israel/Efe
Divulgação/GPO Israel/Efe

Premiê israelense confirma que fará discurso na ONU na próxima semana

Data ainda não está fechada, mas pode coincidir com fala do presidente palestino

estadão.com.br,

15 de setembro de 2011 | 08h51

Atualizado às 9h20

 

 

JERUSALÉM - O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, vai apresentar na ONU a posição do país com relação ao reconhecimento do Estado palestino, proposta que será levada à Assembleia Geral pelo presidente palestino, Mahmud Abbas, no dia 23. O anúncio de que Netanyahu fará um discurso foi feito nesta quinta-feira, 15.

 

Veja também:

linkAbbas promete 'não recuar' em questão palestina na ONU

link'Palestinos e israelenses devem ficar separados'

linkIsrael lança vídeo em resposta à campanha da AP

linkEsperança na votação na ONU

especialESPECIAL: As disputas territoriais no Oriente Médio

 

"Decidi apresentar esta mensagem em um discurso que farei diante da Assembleia Geral da ONU", disse nesta quinta o premiê de Israel, segundo a AFP. Ainda de acordo com a agência, Netanyahu disse acreditar ser "justo" falar na ONU e "apresentar os fatos tal como são".

 

Netanyahu disse ainda, durante coletiva em Jerusalém, que Israel deseja a paz e tem tentado negociar há dois anos e meio. "Sabemos que a paz depende de um reconhecimento (mútuo) e da segurança", acrescentou o premiê direitista, dizendo que essa é a mensagem que pretende levar à ONU.

 

A data da fala de Netanyahu ainda não está definida, mas poderá coincidir com o discurso de Abbas, previsto para ocorrer no dia 23, sexta-feira.

 

Aguarde mais informações

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.