Premier afirma que acordo com EUA não limita programa nuclear da Índia

O primeiro-ministro da Índia, Manmohan Singh, assegurou nesta Terça-feira que o acordo nuclear assinado com os Estados Unidos não impõe nenhum limite ao programa militar estratégico do país. Singh acrescentou que a Casa Branca garantiu ao país provisão de reatores nucleares por tempo indeterminado. O chefe do governo indiano esteve hoje no plenário da Câmara Baixa (Lok Sabha) para informar sobre o pacto nuclear fechado na última semana, durante a visita ao país do presidente americano George W. Bush. "A Índia não terá limitações de qualquer tipo para construir instalações nucleares no futuro, sejam civis ou militares, de acordo com nossas necessidades nacionais", afirmou. O pacto permitirá que a Índia, que não assinou o Tratado de Não-Proliferação Nuclear (TNP), tenha acesso a tecnologia atômica estrangeira pela primeira vez em 30 anos.

Agencia Estado,

07 Março 2006 | 06h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.