Premier da Ucrânia se diz confiante na vitória

O primeiro-ministro da Ucrânia, Viktor Yanukovych, cuja vitória no segundo turno das eleições presidenciais foi anulada pela Justiça por suspeita de fraude, disse que está confiante na vitória na nova votação, marcada pela Suprema Corte para 26 de dezembro. Em seu primeiro comentário público desde a derrota sofrida no Judiciário, Yanukovych disse ter escolhido um novo coordenador de campanha e que mudará suas bases regionais. "Estamos confiantes na vitória", disse.Yanukovych, que tem o apoio do presidente em final de mandato Leonid Kuchma e do governo russo, acusou seu adversário, Viktor Yushchenko , de ser manipulado por estrangeiros. "Isto não é uma revolução, mas tecnologias políticas com o envolvimento de serviços secretos", afirmou, referindo-se ao movimento popular que exigiu a revogação da eleição.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.