Premier de Guiné-Bissau se reúne com Raúl Castro em Cuba

O primeiro-ministro de Guiné-Bissau, Aristides Gomes, chegou no sábado em Cuba para uma visita oficial na qualse reunirá com o presidente interino da ilha, Raúl Castro, informou a televisão local.A agenda de Gomes inclui uma cerimônia oficial para entregar a medalha "Amílcar Cabral", outorgada pelo governo de Guiné-Bissau, ao líder cubano, Fidel Castro, que se recupera de uma cirurgia intestinal que o obrigou a delegar provisoriamente suas funções políticas a seu irmão Raúl, primeiro vice-presidente do país.Gomes, que visita Cuba pela primeira vez como primeiro-ministro, também presidirá a 13ª Comissão Mista Intergovernamental entre seu país e Cuba.O líder da ex-colônia portuguesa assinalou que está interessado em aplicar em seu país o programa cubano de alfabetização Yo si puedo, que foi aplicado em outros países, como Venezuela e Bolívia. Além disso, manifestou seu interesse em estabelecer acordos para a formação de médicos em Guiné-Bissau, entre outros aspectos relacionados com a área da saúde pública em seu país.A comitiva do primeiro-ministro de Guiné-Bissau é integrada pelo ministro de Negócios Estrangeiros, Cooperação Internacional e Comunidades, Antonio Isaac Monteiro; de Recursos Naturais, Aristides Ocante da Silva, e outros funcionários do governo.De acordo com o programa oficial divulgado pela imprensa local, a delegação de Guiné-Bissau cumprirá um intenso programa de atividades até o dia 31 de janeiro, incluindo reuniões com vários dirigentes cubanos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.