Premier palestino faz primeira viagem depois de eleito

O primeiro-ministro palestino, Ismail Haniyeh, iniciou nesta terça-feira sua primeira viagem ao exterior desde que assumiu o cargo em março. O premier deixou a Cidade de Gaza e deve atravessar a fronteira rumo ao Egito. Haniyeh visitará também Irã, Síria, Catar, Kuwait, Arábia Saudita e Líbano. O atual primeiro-ministro palestino não viaja ao exterior há anos porque era procurado pelos serviços de segurança de Israel, por sua militância no movimento islâmico Hamas. A fornteira com o Egito era controlada por Israel até novembro passado, por isso as viagens de Haniyeh não eram possíveis. Um porta-voz do Ministério de Exteriores israelense disse que seu país não impediria a saída do primeiro-ministro palestino, porque não tem feito isso com outros ministros de seu governo, como o de Interior, Said Siyam, e o de Exteriores, Mahmoud Zahar. Israel acrescentou que o país já não controla a fronteira, por isso não teria realmente a capacidade de fazer nada a respeito. Nas reuniões que terá com os dirigentes dos países que visitará, Haniyeh analisará a atual situação na Cisjordânia e Gaza, assim como os detalhes do cessar-fogo, em vigor desde domingo na Faixa de Gaza, e as negociações para o estabelecimento de um governo palestino de união nacional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.