AP Photo/Ahn Young-joon
AP Photo/Ahn Young-joon

Presa, ex-presidente sul-coreana é a última a saber resultado

Sem receber visitas de seus advogados ou até mesmo assistência de guardas da prisão, ela provavelmente não saberá que Moon Jae-in será seu sucessor até hoje à noite

O Estado de S.Paulo

10 Maio 2017 | 05h00

SEUL - A ex-presidente sul-coreana Park Geun-hye, removida do cargo após sofrer impeachment em março, passou o dia de votação em uma cela, sem receber qualquer visita. Park tem sido mantida em um centro de detenção após ser condenada por corrupção. 

Todos os grandes canais de TV sul-coreanos transmitiram notícias sobre as eleições todo o dia, mas Park foi mantida às sombras na maior parte do tempo. Sem receber visitas de seus advogados ou até mesmo assistência de guardas da prisão, ela provavelmente não saberá que Moon Jae-in será seu sucessor até hoje à noite. 

Os programas de televisão exibidos na prisão são selecionados pelo governo, e as primeiras notícias sobre as eleições para Park só chegaram no primeiro programa a ser exibido na TV, por volta das 8 da noite (hora local) de ontem, quando as urnas já estavam fechadas e a contagem dos votos havia começado. 

Antes disso, ela deveria assistir a um documentário sobre o funcionamento do sistema presidencial americano ou a alguma novela. 

Em sua rotina diária, ele dorme por volta das 20h e levanta às 6h. Não estava claro se os guardas da prisão permitiriam que ela assistisse a algum programa na TV por alguns minutos antes de ela ir para a cama. 

Nenhuma visita é permitida em dias de feriado, como o dia de eleição, e os contatos com guardas da prisão são limitados, de acordo com o centro de detenção. 

Ela está confinada no Centro de Detenção de Seul, em uma pequena cela com televisão, privada, pia, mesa e colchão. O governo fornece comida que tipicamente consiste em arroz, sopa, alguma carne, kimchi e vegetais. / AP  

Mais conteúdo sobre:
Park Geun-hye

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.