Presidente da China pede retomada de conversas nucleares com Coreia do Norte

O presidente da China, Xi Jinping, pediu a retomada das negociações multilaterais sobre o programa nuclear da Coreia do Norte nesta quarta-feira, e disse que se opõe a qualquer ato que possa piorar a tensão.

BEN BLANCHARD, REUTERS

02 Setembro 2015 | 08h16

As Coreias do Sul e do Norte evitaram um confronto militar na semana passada e chegaram a um acordo para melhorar suas relações, após uma rara troca de tiros ao longo da fronteira fortificada.

Xi fez o pedido por novas negociações durante um encontro com a presidente sul-coreana, Park Geun-hye, em Pequim.

"A China se manteve ao longo de todo o tempo com o objetivo de desnuclearizar a península coreana, manter a paz da península e estabilizar e resolver problemas via diálogos e consultas", disse Xi, de acordo com o Ministério das Relações Exteriores da China.

Diversos acordo para recomeçar as conversas desde que foram feitas pela última vez, há seis anos, falharam.

A China "se opõe a quaisquer ações que possam causar tensões" e todos os lados devem trabalhar para retomar as conversas, disse Xi.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.