Presidente da China visita área do epicentro de terremoto

Hu Jintao vai ao local 'para consolar as vítimas e inspecionar os trabalhos de resgate'

Efe,

16 de maio de 2008 | 02h29

O presidente da China, Hu Jintao, chegou nesta sexta-feira, 16, à cidade de Mianyang, no epicentro do terremoto de segunda-feira no sudoeste do país, "para consolar as vítimas e inspecionar os trabalhos de resgate". Veja também:Número de mortos pode chegar a 50 milMédicos alertam para risco de epidemias Chineses no Brasil arrecadam ajuda Mapa da destruição na China Entenda como acontecem os terremotos  Vídeo com imagens do terremoto Vídeo com imagens do resgate Imagens da destruição  Segundo a agência Xinhua, o governante deve supervisionar os trabalhos de resgate como parte de uma campanha destinada a mostrar ao mundo que a situação está sob controle. Hu Jintao visitará as tropas e equipes médicas que trabalham no resgate na zona do epicentro do terremoto na província de Sichuan. O primeiro-ministro Wen Jiabao chegou à região na segunda-feira e visitou lugares como as escolas em que crianças morreram sob os escombros. No entanto, familiares de vítimas têm afirmado à imprensa estrangeira que as autoridades omitem o número real de mortos. Ainda assim, Wen afirmou nesta sexta-feira, 16, que o número de mortes foi reduzido graças ao trabalho do Governo e garantiu que "salvar vidas ainda é a prioridade máxima". Segundo os últimos dados fornecidos pelas autoridades chinesas, já foram confirmadas 50.000 mortes e 102.000 feridos.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaterremoto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.