Presidente da estatal boliviana YPFB pede demissão

O presidente da estatal boliviana de petróleo YPFB pediu demissão na sexta-feira, alegando não ter o apoio necessário para seguir em frente com a nacionalização do setor energético, segundo cópia de sua carta de demissão distribuída a jornalistas.Juan Carlos Ortiz é o segundo presidente da Yacimientos Petroliferos Fiscales Bolivianos a pedir demissão desde que o presidente boliviano, Evo Morales, anunciou seu plano de nacionalização em maio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.