Virginia Mayo/AP
Virginia Mayo/AP

Presidente da Itália terá reunião com Mario Monti, diz fonte

Ex-comissário europeu é um dos nomes cotados para substituir Silvio Berlusconi como premiê

Agência Estado

10 de novembro de 2011 | 16h15

ROMA - O ex-comissário europeu Mario Monti, cotado para substituir Silvio Berlusconi no cargo de primeiro-ministro da Itália, se reunirá ainda nesta quinta-feira, 10, com o presidente italiano, Giorgio Napolitano, disse uma fonte. Uma porta-voz de Monti não comentou o assunto.

 

Veja também:

linkOposição pode se abster em voto de orçamento

 

No fim da noite de quarta, em uma decisão inesperada, Napolitano indicou Monti para ser senador vitalício. Analistas políticos italianos consideram a indicação um passo no sentido de lançar as bases para que Monti lidere um governo de unidade nacional para conduzir o país em um momento delicado.

 

Na terça-feira, Berlusconi prometeu renunciar assim que o Parlamento aprovasse medidas econômicas atreladas ao orçamento de 2012, o que pode acontecer já no fim de semana.

 

Há várias semanas os mercados já falam em Monti como o nome mais indicado para comandar um governo de unidade nacional, que seria responsável por impor medidas de austeridade urgentes.

Fontes do partido de Berlusconi, o Povo da Liberdade (PDL), disseram à Reuters que o premiê agora estava convencido de que seria melhor não convocar eleições, numa mudança brusca de posição.

 

Berlusconi anteriormente havia dito que via a antecipação das eleições como a única opção realista assim que renunciar ao cargo, o que ele disse que pretende fazer tão logo um pacote de reformas econômicas urgentes for aprovado pelo Parlamento, dentro de alguns dias. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.