Presidente de Israel enfrenta novo caso de abuso sexual

O presidente de Israel, Moshé Katsav, afastado de suas funções como suspeito de graves crimes sexuais, inclusive estupro, será interrogado nesta quinta-feira, 29, numa investigação sobre novas acusações apresentadas por uma ex-empregada.Fontes policiais informaram que Katsav será interrogado na residência presidencial. É o segundo processo aberto por uma funcionária pública que prestou serviços a ele quando era ministro do Turismo, entre 1998 e 1999.O último dos seis interrogatórios foi há quatro meses. O procurador-geral Menachem Mazuz autorizou reabrir a investigação policial. Katsav provavelmente será representado por seus advogados.Katsav, cujo mandato de cinco anos termina em junho, afirma que é inocente e vítima de uma conspiração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.