Presidente do Afeganistão escapa de ataque

Um ataque de mísseis atingiu hoje a cidade afegã de Gardez minutos antes da chegada do presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, onde ele faria um ato público. Ninguém ficou ferido. Karzai, que é o favorito entre os 18 candidatos às eleições presidenciais do próximo dia 9, seguia para a cidade num helicóptero norte-americano quando foi informado do ataque e decidiu voltar para Cabul, informou o porta-voz presidencial.Nas últimas semanas aumentaram os ataques contra o governo afegão e os militares dos EUA. O grupo fundamentalista islâmico Taliban, que governou o país de 1996 ao final de 2001, incentiva o boicote às eleições. A província de Paktia, uma região montanhosa na fronteira com o Paquistão, é uma das áreas onde se acredita que esteja refugiado um maior número de combatentes talibans.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.