Presidente do Iraque inicia visita à Síria

O presidente do Iraque, Jalal Talabani, faz neste domingo a visita iraquiana de mais alto nível a Damasco em muitos anos. O encontro entre Talabani e seu equivalente, o presidente sírio Bashar Assad, ocorre em meio a um clima de tensão entre a Síria e o principal aliado ocidental iraquiano - os Estados Unidos.Washington acusa a Síria e o Irã de alimentar a violência no Iraque, dificultando a nova estratégia americana para o país. Diz ainda que a Síria permite que grupos militantes transitem livremente na fronteira com o Iraque. Damasco afirma que faz o que pode para guardar suas fronteiras. Um conselheiro do presidente Talabani, Hiwa Osman, disse à BBC que o tema será tratado na visita. "As fronteiras iraquianas são porosas. Parte da tentativa de restaurar a segurança no Iraque tem a ver com negociar com os países vizinhos para guardar as fronteiras e evitar infiltrações."ReaproximaçãoA visita do presidente Talabani tentará ainda consolidar as relações diplomáticas entre o Iraque e a Síria, restauradas no último mês de novembro após 20 anos de rompimento.As hostilidades entre a Síria e o Iraque prevaleceram por longo período, desde os dias em que os dois países eram governados por facções concorrentes do partido nacionalista árabe Ba?ath.A Síria acusava Saddam Hussein, então líder do Ba?ath no Iraque, de fomentar instabilidade e interferir em assuntos internos sírios.À época, o atual presidente Jalal Talabani vivia exilado na Síria. Na nova configuração política regional, a visita de Talabani à Síria ilustra o papel iraquiano como mediador entre os Estados

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.