Presidente do Paquistão nega que esteja em prisão domiciliar

O presidente do Paquistão, PervezMusharraf, negou nesta segunda-feira os rumores de que estejapreso em sua própria casa por alguns de seus subordinados queestariam descontentes com seu estado de emergência, decretadodurante o final de semana. "É uma piada de primeira grandeza", disse Musharraf àReuters do edifício presidencial em Islamabad, onde se reuniucom mais de 80 diplomatas para explicar sua polêmica decisão. Os meios de comunicação receberam telefonemas de cidades detodo o país, incluindo Karachi, onde o mercado acionário caiu4,7 por cento devido à incerteza política. (Por Sheree Sardar)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.