Presidente do Paquistão transfere poder Executivo para premiê

Medida restabelece regime parlamentar vigente antes de golpe militar

19 de abril de 2010 | 12h15

ISLAMABAD - O presidente do Paquistão Asif Ali Zardari promulgou nesta segunda-feira, 19, uma reforma na Constituição que transfere o exercício de seus poderes do Executivo para o primeiro-ministro Yusuf Raza Gilani e restabelece o regime parlamentar vigente antes dos golpes militares.

 

Segundo informações da agência de notícias AFP, durante uma cerimônia pública, o chefe do Estado assinou a 18ª emenda constitucional aprovada recentemente pela Assembleia Nacional e pelo Senado.

 

Este texto devolve ao primeiro-ministro o poder de dissolver a câmara baixa e de nomear os funcionários da administração e do exército, e priva o presidente da prerrogativa de destituir o governo, direito que ficará nas mãos dos deputados.

 

O chefe do Estado terá agora apenas uma função essencialmente honorária.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.