Marcos Bello/Reuters
Marcos Bello/Reuters

Presidente do Parlamento diz que governo Maduro está em 'aviso prévio'

Segundo Ramos Allup, integrantes sabem que estão em seus últimos dias

O Estado de S. Paulo

27 Junho 2016 | 21h06

CARACAS - O presidente do parlamento da Venezuela, o opositor Henry Ramos Allup, afirmou nesta segunda-feira que o governo de Nicolás Maduro está em uma "etapa de aviso prévio", em referência a uma eventual destituição do presidente do país.

"Para mim, o governo está em época de aviso prévio, como se diz em termos trabalhistas. Não digo que estão trabalhando, digamos que estão é cumprindo a etapa de aviso prévio. Sabem que estão em seus últimos dias e vão pagar, sejam civis ou militares", disse o deputado opositor em entrevista coletiva no Palácio Federal Legislativo, sede da Assembleia Nacional (unicameral).

Ramos Allup garantiu aos funcionários que, "quando isto acontecer, que vai ser em breve, (os integrantes do atual governo) vão à justiça por suas desgraças".

As declarações do deputado opositor foram dadas em sua chegada a Caracas, após uma visita de vários dias a Washington para participar de uma sessão da Organização dos Estados Americanos (OEA) para debater um relatório sobre a crise venezuelana elaborado pela pela entidade para invocar a aplicação da Carta Democrática ao país. / EFE

Mais conteúdo sobre:
VenezuelaRamos AllupMaduro

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.