Presidente do partido do governo renuncia na França

O ex-primeiro ministro francês Alain Juppé renunciou à presidência do partido do governo, abrindo as portas para uma batalha pela sucessão na agremiação política de Jacques Chirac. "Hoje, renuncio a minhas funções como presidente de nossa UMP", disse Juppé em um comunicado. Juppé, um dos aliados mais próximos de Chirac, foi citado em um caso de corrupção no início deste ano e sua renúncia ao cargo já era aguardada. O ministro das Finanças de Chirac, Nicolas Sarkozy, deverá lutar agora pela liderança da sigla.

Agencia Estado,

16 de julho de 2004 | 14h52

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.