AFP / Mandel NGAN
AFP / Mandel NGAN

Presidente exalta economia dos EUA em evento na Pensilvânia

Donald Trump visitou um dos Estados que o levou à Casa Branca em 2016 e disse que “os EUA estão de volta”

O Estado de S.Paulo

18 Janeiro 2018 | 21h53

WASHINGTON - O presidente Donald Trump visitou nesta quinta-feira uma fábrica em Coraopolis, na Pensilvânia, elogiou a aprovação da reforma tributária no Congresso americano, no fim de 2017, e exaltou as ações de seu governo. “Nunca houve tempo melhor para se investir nos EUA”, afirmou. 

O presidente lembrou que a Apple prometeu investir US$ 350 bilhões nos EUA, com novos projetos e fábricas, e a American Airlines e a Comcast fizeram promessas semelhantes. “A Toyota também vai tirar sua fábrica do México e trazer de volta para Michigan”, disse. 

“Os EUA estão de volta, cada vez maiores e melhores do que nunca”, disse Trump. “Estamos fazendo nosso produto. Estamos abrindo nossas fábricas novamente.” 

+ Um ano após vitória, Trump vê queda em popularidade e economia em alta

Trump também afirmou no discurso que a taxa de desemprego entre negros nunca esteve tão baixa nos EUA e o desemprego entre mulheres e latinos “também está muito baixo”. “Se continuarmos assim, vamos ganhar muitas eleições”, disse. “Porque, vocês sabem, é a economia, estúpido.”

O presidente americano também disse que a Pensilvânia “verá um corte de impostos de US$ 11 bilhões neste ano”, graças à reforma tributária sancionada por ele. A Pensilvânia faz parte do chamado Cinturão da Ferrugem, Estados industriais americanos com fábricas que deixaram os EUA na última década, e alto índice de desemprego, que votaram em massa em Trump em 2016. / EFE e AFP

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.