Presidente morre em hospital de Paris

O presidente da Guiné-Bissau, Malam Bacai Sanhá, de 64 anos, morreu ontem num hospital de Paris, onde estava sendo tratado, informou seu gabinete, sem dar mais detalhes sobre a doença. Sanhá tinha problemas de saúde desde que assumiu o poder, em 2009. Ele deixou a Guiné-Bissau em novembro para tratar-se no exterior, o que fez emergir o temor de um possível golpe de Estado no caótico país do oeste da África. Ex-colônia portuguesa, a Guiné-Bissau passou por vários levantes militares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.