Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Presidente paraguaio perde apoio do próprio partido

O presidente Luis González Macchi perdeu, nesta quinta-feira, o apoio de seu partido, o Colorado, a dez meses do fim do mandato. Eleições estão marcasas para abril do próximo ano. Com esta nova situação, o presidente se mantém unicamente graças ao apoio da segunda força da oposição, o Partido Encontro Nacional (PEN), que continua seu aliado. Ao mesmo tempo em que o presidente do Partido Colorado, no governo, Nicanor Duarte, anunciava hoje o distanciamento, "porque não quermos associar-nos a um Poder Executivo ineficiente", uma antiga facção do Colorado que se transformou no partido União Nacional de Cidadãos Éticos (Unace) - fundado pelo ex-general golpista Lino César Oviedo -, apresentava nesta quinta-feira perante a Justiça Eleitoral um abaixo-assinado de 180 mil afiliados. A apresentação era um exigência para que recebesse autorização para funcionar como agremiação política. A Justiça Eleitoral habilitou a Unace e marcou o dia 18 de janeiro próximo como data para a realizção de suas eleições internas, para a designação dos candidatos às eleições de abril de 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.