Presidente resiste e diz que enfrentará oposição

O líder do Iêmen, Ali Abdullah Saleh, afirmou ontem que lutará até o fim contra opositores que tentam derrubá-lo e garantiu que não permitirá que seu país se transforme em um "Estado falido". Nos últimos três dias, 63 dissidentes morreram em confrontos com tropas leais ao presidente iemenita. Saleh está no poder desde 1978.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.