Presidente sul-coreano felicita Ban Ki-moon por reeleição à frente da ONU

Assembleia Geral do órgão aprovou, por aclamação uma resolução pela qual Ban seguirá à frente da organização para mais um mandato

Efe,

22 de junho de 2011 | 04h37

SEUL - O presidente sul-coreano, Lee Myung-bak, felicitou nesta quarta-feira, 22, seu compatriota Ban Ki-moon por sua reeleição como secretário-geral da ONU e destacou o grande apoio que recebeu de países ricos e em desenvolvimento, informou a agência Yonhap.

Segundo o porta-voz presidencial, Lee falou com Ban por telefone para transmitir suas felicitações e expressar o orgulho pelo fato de um ex-ministro das Relações Exteriores sul-coreano ter obtido o apoio do mundo por seu trabalho de liderança.

Ban Ki-moon foi ministro das Relações Exteriores sul-coreano entre 2004 e 2006, durante o governo do falecido presidente Roh Moo-hyun.

"Este é o resultado da opinião positiva de pessoas de todo o mundo sobre a diligência e a atitude humilde do secretário-geral Ban", indicou Lee, citado por seu porta-voz.

"É um orgulho que líderes, não só dos países avançados, mas também daqueles em desenvolvimento, tenham expressado seu apoio ativo", indicou o presidente sul-coreano, que assegurou que todos os sul-coreanos se sentem alegres por sua reeleição à frente do organismo.

Lee também enviou uma carta aos líderes dos 15 países-membros do Conselho de Segurança das Nações Unidas para agradecer por sua postura a favor de Ban, de 67 anos.

A Assembleia Geral da ONU aprovou na terça-feira, 21, por aclamação uma resolução pela qual Ban seguirá à frente da organização para mais um mandato, de 1º de janeiro de 2012 a 31 de dezembro de 2016.

Tudo o que sabemos sobre:
onucoreia do sulBan Ki-moon

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.