Presos cinco supostos membros do ETA na Espanha

A polícia prendeu cinco supostos membros do ETA, grupo separatista basco, nesta quarta-feira no norte da Espanha, onde eles esperavam ordens para realizar um ataque, disse o ministro do Interior. As agências de notícia disseram que as prisões foram possíveis graças a declarações de um caminhoneiro espanhol detido no domingo no norte da Espanha, em uma operação realizada com o apoio francês, na qual foram presas 20 pessoas, entre elas o suposto dirigente do ETA, conhecido como Mikel Antza.

Agencia Estado,

06 Outubro 2004 | 09h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.