Presos entram em greve de fome no Paraguai

Cerca de cem presidiários de diversas penitenciárias no Paraguai anunciaram uma greve de fome em protesto contra uma decisão do presidente Federico Franco. O presidente suspendeu todas as concessões de condicional previstas para janeiro.

O Estado de S.Paulo

15 de fevereiro de 2013 | 02h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.