Presos mais três suspeitos de atentados na Turquia

A Justiça turca indiciou mais três supostos cúmplices dos atentados suicidas de Istambul por filiação a grupo ilegal e apoio a grupo ilegal, informa a imprensa local. As acusações são punidas com até cinco anos de cadeia. Os três novos indiciamentos se seguem a outros nove, anunciados no início da semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.