Presos são espancados e sofrem abusos sexuais

Centenas de pessoas protestaram ontem na Geórgia após imagens de detentos sendo espancados por carcereiros e sofrendo abusos sexuais terem sido divulgadas na TV do país. O caso fez a ministra responsável pelo sistema prisional, Khatuna Kalmakhelidze, renunciar.

O Estado de S.Paulo

20 de setembro de 2012 | 03h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.