Primeira-ministra da Islândia se casa com parceira

A primeira-ministra da Islândia, Johanna Sigurdardottir, casou-se com sua companheira, a escritora Jonina Leosdottir, amparada por uma nova lei que autoriza a união civil entre pessoas do mesmo sexo no país. O anúncio do casamento foi feito nesta segunda-feira por Hrannar Arnarsson, uma assessora da primeira-ministra islandesa, uma líder social-democrata de 68 anos de idade.

AE-AP, Agência Estado

28 de junho de 2010 | 20h35

As duas já viviam um relacionamento formal desde 2002 e ingressaram com um pedido para que a união fosse convertida em casamento depois da aprovação da nova lei no Parlamento, ocorrida em 11 de junho. Não houve cerimônia de casamento. Johanna assumiu o posto de primeira-ministra no ano passado, depois da queda de um governo de centro-direita em meio a uma onda de protestos desencadeada pela crise econômica vivida pelo país.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.